blog de decoração - Arquitrecos: Junho 2013 .post img { max-width: 500px; height: auto;

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Soluções para banheiros pequenos + Pesquisa de Mercado Arquitrecos

Espaços pequenos são quase sempre sinônimo de muita criatividade, isso porque são necessários alguns "malabarismos" para conseguir acomodar tudo que se precisa ou ainda para fazer com que o espaço pareça um pouco maior. A melhor parte? Vale tudo!!! 

Solução 01 - Espelhos!!!
Alternativa perfeita para pequenos espaços e como podem ver na primeira imagem não necessariamente precisam ser instalados da maneira convencional, da bancada até o teto. Uma faixa horizontal ressaltada da parede com iluminação indireta (com fita de LED por exemplo) deixam o banheiro cheio de personalidade.



Uma alternativa similar usando toda a área sobre bancada e vaso.



E uma variação perfeita usando toda a faixa de espelhos para camuflar armários!!!






Solução 02 - Móveis rústicos
O grande segredo do sucesso deste tipo de solução é exatamente o fato de transformar a bancada em um foco principal, desviando a nossa atenção do restante do espaço. O mesmo efeito podemos alcançar usando espelhos com molduras coloridas ou com um belo trabalho em madeira.





Solução 03 - Foco nos revestimentos
O princípio é similar ao da alternativa anterior usando como destaque os revestimentos em determinadas áreas do banheiro, geralmente a área de bancada.


Imagem: Minha Casa






Solução 04 - Pequenos móveis e gabinetes
Para aproveitar todos os cantinhos mesmo em imóveis alugados.





PESQUISA DE MERCADO ARQUITRECOS
(Pesquisa baseada em alternativas encontradas no mercado sem vínculo financeiro com as respectivas lojas)

segunda-feira, 24 de junho de 2013

Gavetas otimizando pequenos espaços

Gavetas são grandes curingas na organização e deixaram de ser coadjuvantes na decoração de interiores podendo ser usadas de forma criativa, fugindo do uso convencional e como grande aliada para o aproveitamento de pequenos espaços de diversas formas. 

Nas duas primeiras imagens o gavetão aproveita o espaço sob a cama para organizar brinquedos e na primeira imagem ainda foi criada uma superfície revestida com fórmica tipo lousa para montagem de quebra cabeças por exemplo ou simplesmente para fazer parte das brincadeiras de desenhar e assim livrar pisos e paredes que são alvo certo das crianças em algumas etapas do seu crescimento.



Como bônus os gavetões facilitam o momento de recolher os brinquedos pequenos, que podem assim ser organizados pelas próprias crianças com facilidade.



E se o quarto é de adultos as gavetas sob a cama são perfeitas para guardar bolsas e sapatos. Para guardar roupas de cama o ideal é que a gaveta tenha uma tampa para proteger os tecidos da poeira.



Aqui as gavetas formas uma escada para a cama superior resultando em um excelente espaço para funcionar como cômoda para roupas e outros objetos.



O inusitado aqui ficou por conta do aproveitamento do espaço sob os degraus através da instalação de gavetas onde podem ficar guardados objetos que não são usados no cotidiano, mas que ocupam precioso espaço nos armários.



Uma restrição importante para o uso das gavetas sob a cama é algo que a querida Tereza do blog Casa Três Chic me alertou: em regiões de clima muito frio e úmido o uso deste espaço é prejudicado pela alta ocorrência de mofo... uma pena!!!

Grande abraço a todos!!!





sexta-feira, 21 de junho de 2013

Faça você mesmo: Sapateira sob a cama feita com deck de madeira!

Esta noite estava navegando pelo Facebook e eis que encontro a imagem abaixo no Facebook do blog Remobília cuja ideia eu adorei!!! Sabemos que o espaço sob camas, especialmente camas box que são bem rente ao chão, são difíceis de aproveitar... eis então uma maneira super simples de ocupar este espaço com sapateiras feitas de deck!! Mesmo porque deixar os sapatos soltos não tem nada de prático...

Para executar é muito simples, basta comprar (em home centers ou através da internet) decks de madeira que custam entre R$ 30,00 e R$ 50,00, instalar 04 rodízios com parafusos auto atarrachantes e pronto!!! 



DICAS IMPORTANTES: 
  1. Os rodízios devem ter no máximo 50mm para não comprometer a altura disponível sob a cama;
  2. Os rodízios devem ser parafusados sob o piso do deck para ganhar altura e não no seu suporte inferior;
  3. Os rodízios devem ser como estes que coloquei no link abaixo, que tenham como fixador uma chapinha com 04 parafusos autoatarrachantes (não é necessário furadeira). Os rodízios que têm uma haste são feitos para encaixar em pés de cadeiras ou demais móveis então não servem!
  4. Antes de executar confiram se é viável tendo em vista o espaço disponível sob a cama para não perder tempo!!!

PESQUISA DE MERCADO ARQUITRECOS
(Pesquisa baseada em alternativas encontradas no mercado sem vínculo financeiro com as respectivas lojas)
(Não é publieditorial)












E se você tem alguma gaveta sobrando por aí... uma imagem que é um clássico!!!



Eis um projetinho moleza para o fim de semana não é mesmo?
E aí? Anima?!!! Grande abraço a todos!!!!


quinta-feira, 20 de junho de 2013

Combinando cores e estampas na decoração

Este sim é um grande desafio... mas o resultado invariavelmente compensa!! Sempre considerei o talento de alguém em combinar cores e estampas como realmente uma arte. Ter às mãos um conjunto de tecidos, revestimentos, louças, lençóis e fazer desta miscelânea de opções um conjunto bonito é uma grande qualidade!!! E querem saber? Na realidade é um exercício, um jogo de tentativa e erro que vai treinando a mais descrente das criaturas, portanto é possível a todos nós. O legal é chegar na loja, pegar um pedacinho de um, colocar perto do outro e formar um conjunto aos poucos, sem pressa. Meu conjunto de louças por exemplo fui comprando aos poucos, um a um, mas sempre em pares descombinados para garantir sempre que pudessem combinar dois a dois pelo menos.Para tecidos prefiro escolher sempre no mesmo dia, a não ser que a mistura for sempre na mesma cor alterando-se apenas a estampa, pois assim dá para adquirir os tecidos aos poucos, atento sempre ao fundo, pois qualquer estampa tem um fundo predominante, e fundo bege com fundo branco é bem difícil dar certo. Parece trabalhoso? Observem como pode ser o resultado!!!

Mistura de estampas em louças

Meu preferido: Louças descombinadas!!! Um conjunto assim é uma excelente alternativa, pois não temos que nos preocupar quando um prato quebra e o conjunto fica incompleto, basta comprar outro com as mesmas cores!!! Infelizmente este não é o meu...rssss. O conjunto que formei (e continuo formando... viciei) vocês podem ver AQUI.






Mistura de estampas em tecidos

Roupas de cama, cortinas e almofadas são excelentes maneiras de combinar estampas, apesar de não ser fácil encontrar padrões que fujam do clássico floral e dos tons pasteis que agente encontra por aí...



Compor estampas em uma mesma cor é uma alternativa mais simples enquanto se está treinando os olhos...



Basta prestar atenção à cor do fundo, pois um fundo bege não compõe com o branco de forma geral.



Mas depois de um tempo de treinamento a ideia é ousar!!!
Uau!!! Que tal com uma saia de berço?????



Uma combinação nada convencional que se estende ao papel de parede!



SUPER DICA: O tapete de tear listrado deixou a cabeceira com cara nova!!
Perfeita composição com a colcha de retalhos e a fronha estampada.



Estampas diferentes no mesmo móvel é um desafio ainda maior, pois é algo feito para durar.



Mas o resultado é tudo de bom!!!



Mistura de estampas em revestimentos

Quando a composição de cores se dá nos revestimentos e mobiliário há que se ter um pouco mais de cuidado, mas a base neutra , neste caso branca, garante o sucesso do resultado.



Lavabos e hall de entrada são os ambientes onde é mais fácil arriscar, pois são áreas de menos permanência, portanto fica mais difícil enjoar dos padrões. O papel de parede é um grande aliado, pois é fácil trocar a qualquer momento.



Grande abraço a todos!!!

terça-feira, 18 de junho de 2013

Gavetas funcionais para cozinha

Conversar sobre o tema cozinha é realmente um assunto que vai longe!!! O detalhe especial de que vamos falar agora são as gavetas funcionais, aquelas que ocupam espaços que muitas vezes julgamos perdidos com itens que precisamos ter sempre por perto ou que não queremos deixar visíveis, perfeitos para projetos com uma característica mais clean.

Formas inusitadas de guardar os temperos!! Perfeito para quem não gosta de deixar os temperos e pequenos utensílios expostos e ficam bem à mão, na gaveta sob o cooktop. Só fico em dúvida se o calor do fogão não altera o sabor das ervas e especiarias...

Imagem: Anne Hepfer


Para gavetas sob bancadas comuns acho a ideia perfeita!!

Imagem: Blog Casa e Fogão


Imagem: American Organizer


Imagem: Irena Designer


Imagem: American Organizer


Gavetas maiores podem abrigar ainda outros mantimentos usados com frequência em potes.



Sabe aquele espacinho inútil em frente à pia? Perfeito para esconder buchas, escovas e até o detergente!!
(Concordam que fica tudo horrível sobre a bancada? Rsss)

Imagem: Anne Hepfer


Esta imagem me encantou: Uma gaveta especialmente para cebola / alho (que geralmente não se guarda na geladeira) e uma gaveta especial com tampa para pães!!! AMEI esta ideia!!!

Imagem: Já Sabia

E não poderia deixar de mencionar os clássicos porta talheres, claro!!! Eu particularmente prefiro os utensílios maiores em ganchos sobre a bancada, mas este suporte para guardar as facas com segurança (principalmente para crianças) é muito prático (detesto facas grandes a vista...).



Boa parte das ideias fáceis de adaptar com organizadores de talheres para gavetas, cestos e caixas.

Cozinhas sem armários superiores... a vez das prateleiras!!!

A alternativa de ter uma cozinha sem muitos armários é considerada praticamente inimaginável para quem tem cozinhas pequenas, mas acredito ser uma alternativa interessante porque reduz o impacto causado por uma cozinha pequena cheia de armários, que visualmente deixa o espaço com um aspecto muito confinado, especialmente se as portas tiverem muitos elementos como puxadores e molduras.

Sempre digo aqui que considero interessante mesclar armários fechados e prateleiras na cozinha, para fazer um jogo de "mostra/esconde" onde escolhemos os objetos pelos quais temos um carinho especial para tê-los sempre visíveis, aquecendo as lembranças no dia a dia. Uma boa organização pode permitir que apenas os armários inferiores sejam suficientes para despensa e para as utilidades como panelas, talheres e demais recipientes. As bancadas podem abrigar parte dos equipamentos e prateleiras superiores expor os equipamentos e louças menos usadas. E para os mais descrentes uma coisa é certa: ainda que guardados dentro dos armários as louças guardadas sem uso por muito tempo devem ser lavadas antes de serem usadas, então porque não termos o privilégios de tê-las visíveis alegrando a nossa cozinha?

Garanto que lindas alternativas não faltam!!! Querem ver?

Observem a sutileza desta composição: Prateleira executada na mesa largura da coifa + iluminação sob a prateleira para a bancada + acabamentos na parede definindo os limites + diferença de nível na bancada para funcionar como um apoio para temperos e utensílios. Resultado? Um belíssimo projeto!!!



Isso sem deixar de mencionar a parede em tijolo aparente presente nesta e na imagem anterior, perfeitas para fazer um belo fundo para louças e outros objetos interessantes. Funciona perfeitamente compondo com marcenaria branca ou com um toque ousado de cores!!!



Nos três projetos abaixo uma quantidade maior de prateleiras com acabamento em madeira contrastando com o branco da parede e/ou da bancada. Praticamente um convite!







Uma cozinha assim, cheia de preteleiras e panelas penduradas, além da bancada em mesa de madeira de demolição têm um clima rústico que é puro aconchego (parece cozinha de vó, adoro!!!)



Prateleiras em madeira podem ser substituídas por aramados em aço inox.



Uma cozinha cuja ousadia fica por conta ao uso de papel de parede com a devida proteção para a área da pia (vidro) e sobre o fogão (painel em aço inox). O piso em madeira "aquece" a composição em preto e branco predominante nos acabamentos.



Duas versões de prateleiras superiores onde a atração principal é a coleção de louças:
 Na primeira prateleiras + nichos com fundo em madeira para contrastar com as louças brancas...


E uma versão com prateleiras brancas para destacar a coleção de louças e objetos coloridos. Charme!!



Uma cozinha aberta e bem iluminada permite até o uso de fundo preto com sucesso!!



Uma cozinha simples cuja atração principal é a prateleira com iluminação inferior para a bancada.
A diferença de revestimentos dá acabamento e define o espaço da bancada.



Não parece a vocês espaços mais leves?
Grande abraço a todos!!!